7 de dez de 2009


Avesso

Eu tenho uma falha mecânica nos olhos
e um metal enferrujado no joelho.
Tenho cartas explícitas nas mangas
e uso colete à prova de balas,
de hortelã...
Eu sou o destinatário
das enormes e lacradas cartas,
que eu não remeto.

15 comentários:

Mara faturi disse...

Linda,
Com um poema destes não precisa enviar carta, e´mail, sms, rsrs...
Ele á maravilhoso, cheira a hortelã, derrete na boca, afaga os ouvidos...
*Amoro!
bjos ~~~

NDORETTO disse...

Amor, este vê sem olhos e se movimenta, sempre!Poema preciso!! Bem Vinda!!!!!

Mateus Carneiro Bureau de Criação disse...

O avesso da contramão, a contradição, contra a tradição das cartas, do cartaz. O avesso da bala é o doce, o gosto lacrado na boca... é de hortelã...

Tua palavra é guia pra minha...

Te amo...

Reflexo d Alma disse...

Ei!
Delícia de versos,
me deixa pensando...
Adorei que passou la no blog,
tem postagem nova la.
Bjins entre sonhos e delírios

Ines...quecível disse...

Lindo Marcinha! Como sempre...sempre real e sempre inatingivel! Bjs

Moni disse...

bá! este poema foi um tapa no rosto. sempre achei que só eu era destinatária de cartas que escrevo e não envio... lindo demais!

Anônimo disse...

Apenas lindo!!!
Suas palavras entregam a gente...
Beijos
Vanessa

Anônimo disse...

Quero um colete assim....
Amei...como outros maravilhosos que já li....
e realmente tenho uma falha mecânica nos olhos...hhahahahhaha

Bjus Di

Tida disse...

Lindo...lindo...lindo...Quem não tem falha? A minha guardo em segredo.......

Renata de Aragão Lopes disse...

"Eu sou o destinatário
das enormes e lacradas cartas,
que eu não remeto."

AMEI!

Beijo,
doce de lira

Silvio disse...

Lindo demais...

Marta Farias disse...

Acho que mais uma vez tu voou fora da asa... valeu.. beijos

Wilson Torres Nanini disse...

Avesso feito de veludo, não das formas ásperas que o poema demonstra. Para escrever um poema assim, o avesso é quse de seda.

uminuto disse...

adorei este aroma a hortelã que se soltou destas palavras
um beijo

Anônimo disse...

AUTO DESCRIÇÃO DE QUEM SE CONHECE MUITO BEM, DE QUEM LÊ A PRÓPRIA ALMA, COM O CORAÇÃO SEMPRE ABERTO, BEIJO NESSE OLHAR..

R.W