2 de jul de 2012

camaleônico




indeciso teu olhar de indecifrável cor. olha-me oliva, mira mel, fita furta-cor. vê?
azeita, quando não azeda. em todos os sentidos, mela. ora verde de não dar bandeira. ora âmbar, que dá liga. alguma trela.
ambígua tua íris colorida de ambos tons. mescla de musgo e folha seca. amaretto di amore. licor de menta. tea, quando [os]tenta o disfarce erva-mate com um truque toque cinnamon. suave, mente. omite, en passant.
mítico. mimético. enigmático. a seduzir o pigmento de meu olho. nu. 

valéria tarelho
*no Livro da Tribo 2013

2 comentários:

NDORETTO disse...

Maravilhoso

adorei!!!!! Adoro uma pieguice.

(((((abraçosabraços, comadre)))))

Larissa Bello disse...

Nossa, muito lindo! Isso que é descrever e tentar decifrar olhos que te olham assim. Diana Krall é linda também!

Bjos