18 de jan de 2013

PROTESTO


A Liberdade Guiando o Povo, quadro de Eugéne Delacroix

 
 
No vão da Paulista,
ela ergue os braços
com dizeres baços
entre os seios expostos:
 
"Se votar é um direito
e roubar o seu efeito,
fogo contra Brasília!
Que arda nossa Bastilha!"
 
 
 
 

5 comentários:

Larissa Bello disse...

Amém!

NDORETTO disse...

Amém! E pena de Morte: matou ,morre também.


Protestemos!

Raquel Consorte disse...

Fogo contra Brasília!!!!

NDORETTO disse...

Gostei do poema. Vim reler.E refletir.

chris ritchie disse...

Obrigada pelos comentários!
beijos a todas.