6 de ago de 2009

atacada


.

quando as palavras
se atracam comigo
saio por aí
desatada
destrancando
a tacadas
versos
por atacado

.

4 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

Gostei muito.
Poema truncado,
porque se atracou com palavras! : )
Beijo,
doce de lira

NDORETTO disse...

Salve!!!!!Que prazer!

NDORETTO

Mara faturi disse...

Atraque de palavras é coisa boa demais uai!!
Bem-vinda lindume,
Bjo!

valéria tarelho disse...

Maria Paula, prazer em ler seu poema "capa e espada" . Touché!