17 de ago de 2009

Banal


nada a perder
e do estado líquido em que estamos
o gasoso pode envolver
num perfume

e o sólido dar um prazer
e um certo volume!

2 comentários:

sidnei olívio disse...

Bem tramado esses estados da matéria, rss. Gostei muito, Neusa, beijos.

Renata de Aragão Lopes disse...

Tem estado, hein, Neusa!? : )