5 de abr de 2012



NO CIO



Felina
se enrosca e geme
na claridade do dia


Gata mia...

3 comentários:

Cristina DeSouza disse...

Nossa! eu gosto muito deste teu poema, já conhecia, é irmão do meu poema CIO (rsrsrsrs). A gatinha da foto é uma graça. Beijo grande! Miau!!! rsrsrsrsrs!

Neusa Doretto disse...

Poesia bem escrita.
Perfeita.
A Mara sabe.
(((((abraço,sister)))))

Mariela Mei disse...

Uau! Adorei, Mara!
Elegante como o andar da gata...
Beijos